quinta-feira, 8 de julho de 2010

Croposofia Ano 1

O mundo mudou a partir do dia 8 de julho do ano de 2009. Fantásticas idéias começaram a brotar do nada, tendo como marco zero excrementos, defecações e a magnitude da vida enquanto... vida. Estas idéias tomaram a forma de um blog, após terem sido dadas descarga e reaproveitadas, como toda matéria orgânica. Nascia o Croposofia.
O Croposofia trazia uma nova concepção de conteúdo em um blog: quem perdará seu tempo lendo estas coisas? Em outras palavras, apresentava o revolucionário conceito de auto sustentabilidade em um blog, ou seja, para dar prosseguimento às postagens, ninguém precisaria acessar o site. Assim o Croposofia cresceu, conquistou uma legião de fãs inexistentes e hoje é leitura obrigatória de ninguém que queira fazer qualquer coisa que seja quando online.
De lá para cá, foram muitas as aventuras, as realizações, as lutas, a concretizações, as perdas, os ganhos, as vitórias, as derrotas, os louros, os morenos, os personagens e muitos eticéteras. Reticêcias também. Pontos de exlamação, e claro, interrogações.
E é por tudo isso, mas principalmente pelo dinheiro, garotas, pelos contratos milionários com patrocinadores e pelas batatas batatas que continuaremos. Mas acima de tudo, leitor, porque não temos nada melhor para fazer.
Por conta disso, estaremos comemorando durante a totalidade do mês de julho este sensacional acontecimento. Serão artistas, governantes, chefes de estado, celebridades, enfim, toda uma vasta gama de convidados que prestará a sua homenagem a este marco da internet universal. Você não pode perder!

Croposofia Ano I: Mau humor auto sustentável.

Um comentário:

  1. Parabéns pelo primeiro ano. Leio sempre. Abraço, Zé Neto

    ResponderExcluir